27 de junho de 1980

27 de junho de 1980

Neste dia a Assembleia da República aprovou numa longa sessão legislativa de 24 horas  os Estatutos Autonómicos das Regiões dos Açores e Madeira.

Personalidade nascida neste dia 

No dia 27 de junho de 1885 nasceu a famosa violoncelista portuguesa Guilhermina Augusta Xavier de Medin Suggia.

Foi sem dúvida uma das maiores artistas da história da música portuguesa e internacional, tendo tido uma carreira que, além do território nacional, passou por Leipzig onde estudou, por Paris onde tocou para Pau Casals, seu futuro marido, e por Londres.

Na capital inglesa tocou com os melhores e nos melhores palcos, tendo recebido sempre as melhores críticas e obtidos êxitos estrondosos junto do público.

Daily Mail de 27 de outubro de 1922 dizia o seguinte:

Suggia é soberbamente temperamental, sendo sempre ela que dirige o seu temperamento, sem nunca ser dirigida por ele. No Concerto de Schumann anima com o fogo da sua personalidade o que de outro modo ficaria morto; com a esplêndida largueza de arco e a vivacidade do seu som, Suggia dá alento e brilho à peça.

Regressou ao Porto no final dos anos 20 do século XX e tocou pela última vez no dia 31 de maio de 1950 no Teatro Aveirense acompanhada ao piano por Maria Adelaide de Freitas Gonçalves.

Refiram-se ainda o reconhecimento de Portugal através das condecorações recebidas no dia 5 de outubro de 1937 (Comenda da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada) e no dia 2 de fevereiro de 1944 (Grande-Oficial da Ordem Militar de Cristo).

Morreu na cidade que a viu nascer, Porto, no dia 30 de julho de 1950.

200px-Guilhermina_Suggia

Anúncios

13 de abril de 1987

13 de abril de 1987

Neste dia em Pequim o primeiro-ministro português, Aníbal Cavaco Silva, e Zhao Ziyang, chefe do governo chinês, assinaram a Declaração Conjunta do Governo da República Portuguesa e do Governo da República Popular da China sobre a Questão de Macau, ou mais simplesmente a Declaração Conjunta Luso-Chinesa.

Este tratado internacional bilateral determinava que Macau era um território chinês sob administração portuguesa e que a sua soberania passaria definitivamente para a República Popular da China no dia 20 de dezembro de 1999.

Personalidade nascida neste dia

No dia 13 de abril de 1774 nasceu na Horta – Açores Sebastião de Arriaga, de seu nome completo Sebastião José de Arriaga Brum da Silveira.

Foi um militar português que atingiu no exército o posto de general de brigada.

Era avô de Manuel de Arriaga, o primeiro presidente da república portuguesa.

A sua família era bastante importante, o que se constata pelo facto do seu padrinho de batismo ter sido o Marquês de Pombal.

A sua carreira militar foi reconhecida com diversas condecorações portuguesas, britânicas e espanholas, tendo participado na Guerra Peninsular entre 1811 e 1814.

Também foi cavaleiro da Ordem da Torre e Espada e da Ordem de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa.

Morreu no dia 8 de fevereiro de 1826 em Lisboa.

sebastiao_arriaga.jpg

21 de janeiro de 1481

21 de janeiro de 1481

Neste dia foi assinado em Toledo um tratado entre D. Afonso V, rei de Portugal, e os reis católicos de Espanha sobre as ilhas Canárias.

Este tratado determinava que estas ilhas ficariam sob pertença castelhana e Portugal garantia a soberania da Guiné e de todas as ilhas achadas ou por achar a sul das Canárias.

Personalidade nascida neste dia

No dia 21 de janeiro de 1796 nasceu o historiógrafo, paleógrafo, músico, organeiro e político açoriano Francisco Ferreira de Drummond.

Nascido na Vila de São Sebastião na ilha Terceira, a sua obra ocupa um lugar de destaque na historiografia açoreana.

Uma das suas grandes obras é o manuscrito dos Anais da Ilha Terceira com 1420 páginas e 510 documentos, que cobre o período desde a descoberta e povoamento da ilha até 1832.

Morreu na Vila de São Sebastião no dia 11 de setembro de 1858.

Autograph_of_Francisco_Ferreira_Drummond

 

4 de janeiro de 1960

4 de janeiro de 1960

Neste dia na cidade de Estocolmo sete países (Reino Unido, Portugal, Dinamarca, Noruega, Suiça, Áustria e Suécia) assinaram a convenção que instituiu a Associação Europeia de Comércio Livre, em inglês com o acrónimo EFTA, que significa European Free Trade Association.

Atualmente, porque foi criada a Comunidade Económica Europeia, hoje União Europeia (UE), fazem parte da EFTA apenas quatro países: Suiça, Noruega, Islândia admitida em 1970 e o Lichtenstein admitido em 1991.

A área geográfica da UE e da EFTA constitui o que se designa por Espaço Económico Europeu.

Contudo, o que há a reter é o facto de Portugal ter sido um dos países fundadores da EFTA, beneficiando até janeiro de 2002 dos seus apoios financeiros para o desenvolvimento industrial.

Personalidade nascida neste dia

Nasceu em Angra do Heroísmo no dia 4 de janeiro de 1871, Ruy Telles Palhinha, que veio a ser um eminente botânico e professor universitário dedicado à exploração sistemática da flora açoriana.

Começou por ser professor de liceu em Santarém, onde também foi presidente da Câmara de 1899 a 1900. Na Universidade de Lisboa foi professor e diretor da Faculdade de Farmácia e professor da Faculdade de Ciências, tendo ainda sido secretário e dirigido a biblioteca e o Jardim Botânico.

Morreu no dia 13 de novembro de 1957 num brutal acidente de viação, sem terminar a obra dedicada às espermatófitas açorianas, que considerava a última peça dos seus estudos acerca da flora açoriana.

220px-Ruy_Telles_Palhinha