26 de junho de 1282

26 de junho de 1282

Neste dia celebrou-se em Trancoso o casamento do rei D. Dinis com Isabel de Aragão, depois de ter sido formalizado por procuração em Barcelona no dia 11 de fevereiro do mesmo ano.

Refira-se que este casal real foi muito importante para a nação lusitana, quer pelo reinado de D. Dinis muito marcado pela cultura, que pelo facto da sua rainha-consorte ser  muito dedicada aos mais desfavorecidos.

Aliás, foi mais tarde beatificada e canonizada tendo ficado célebre o milagre das rosas.

Personalidade nascida neste dia

Nasceu na capital portuguesa no dia 26 de junho de 1938 o ator, argumentista televisivo, dramaturgo e encenador português, Francisco António de Vasconcelos Nicholson.

Participou em inúmeras peças de teatro, programas de televisão e até cinema, não limitando o seu trabalho às suas enormes qualidades como ator.

Morreu no dia 12 de abril de 2016 com 77 anos de idade.

francisco_nicholson

24 de junho de 1128

24 de junho de 1128

Neste dia travou-se a Batalha de São Mamede entre as tropas dos barões portucalenses comandadas por D. Afonso Henriques e as tropas galegas que, depois da morte do Conde D. Henrique e com a conivência da sua mulher, D. Teresa, pretendiam assumir o governo do Condado Portucalense.

A vitória de D. Afonso Henriques foi sem dúvida um passo decisivo para o nascimento de Portugal.

Personalidade nascida neste dia

No dia 24 de junho de 1360 nasceu Nuno Álvares Pereira, também conhecido pelo Santo Condestável, Beato Nuno de Santa Maria ou, atualmente, como São Nuno de Santa Maria.

Os seus feitos são demasiados para poderem ser resumidos num post, mas não se pode deixar de referir que é considerado o maior e melhor militar português de sempre, com um papel determinante na crise de 1383-1385 ao comandar vitoriosamente o exército português em número bastante inferior ao inimigo.

O maior poeta português, Luís Vaz de Camões, fez-lhe catorze referências n’ Os Lusíadas, o que evidencia a grandeza dos feitos de D. Nuno Álvares Pereira.

Além das suas qualidades militares, também não pode deixar de ser referida a sua dimensão humana, reconhecida com a sua beatificação pelo papa Bento XV no dia 23 de janeiro de 1918 e, mais tarde, a sua canonização confirmada pelo papa Bento XVI no dia 26 de abril de 2009.

Morreu com 71 anos de idade no dia 1 de novembro de 1431 no Convento do Carmo.

Mosteiro_da_Batalha_13.jpg

15 de junho de 1922

15 de junho de 1922

Neste dia os aviadores Gago Coutinho e Sacadura Cabral aterraram no Rio de Janeiro concluindo a primeira travessia aérea do Atlântico Sul, que tinha sido iniciada em 30 de março do mesmo ano.

Personalidade nascida neste dia

No dia 15 de junho de 1843 nasceu Libânia do Carmo Galvão Mexia de Moura Telles e Albuquerque, que ficou conhecida por Irmã Maria Clara do Menino Jesus.

Foi uma religiosa portuguesa, beatificada em 2011 pelo Cardeal Angelo Amato.

Fez o seu noviciado em Calais, França, com o intuito de regressar a Portugal e fundar uma nova congregação. Tal veio a acontecer com a fundação da Congregação das Irmâs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição e que gerou um grande número de casas para auxiliar os mais necessitados em Portugal, em Angola, na Índia, em Cabo Verde e na Guiné.

Morreu no dia 1 de dezembro de 1899 e repousa na Cripta da Capela da Casa-Mãe em Oeiras.

maria_clara

 

4 de abril de 1693

4 de abril de 1693

Neste dia o papa Inocêncio XII beatificou a princesa de Portugal, Santa Joana.

200px-Aveiro_March_2012-2a

Era filha do rei D. Afonso V e da sua primeira mulher, rainha D. Isabel de Portugal.

Personalidade nascida neste dia

No dia 4 de abril de 1819 nasceu no Rio de Janeiro a rainha de Portugal, Maria da Glória Joana Carlota Leopoldina da Cruz Francisca Xavier de Paula Isidora Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bragança, mais conhecida por D. Maria II.

Era filha do rei D. Pedro IV de Portugal e da arquiduquesa Dona Leopoldina de Áustria.

Teve como cognomes A Educadora ou A Boa Mãe pela educação exemplar que deu aos seus muitos filhos.

Foi a 31.ª rainha de Portugal e dos Algarves aquando da abdicação de seu pai no período de 1826 a 1828 e de 1834 a 1853.

Morreu no dia 15 de novembro de 1853 depois de treze horas de trabalho de parto do seu 11.º filho, o infante D. Eugénio.

No dia seguinte, o Diário do Governo publicou o seguinte texto:

“Paço das Necessidades, 15 de Novembro de 1853, à meia hora depois do meio dia.
Sua Magestade a Rainha começou a sentir annuncios do parto às nove horas e meia da noite de hontem. Appareceram difficuldades no progresso do mesmo parto, as quaes obrigaram os facultativos a recorrer a operações, pelas quaes se conseguiu a extracção de um Infante, de tempo, que recebeu o baptismo antes de extrahido.
O resultado destas operações teve lugar às dez horas da manhã. Desgraçadamente, passada hora e meia, Sua Magestade, exhausta de todas as forças, rendeo a alma a Deos, depois de haver recebido todos os sacramentos.
Francisco Elias Rodrigues da Silveira. Dr. Kessler. Ignacio António da Fonseca Benevides. António Joaquim Farto. Manuel Carlos Teixeira.”

150px-Maria_II_Portugal_1829.jpg