27 de junho de 1980

27 de junho de 1980

Neste dia a Assembleia da República aprovou numa longa sessão legislativa de 24 horas  os Estatutos Autonómicos das Regiões dos Açores e Madeira.

Personalidade nascida neste dia 

No dia 27 de junho de 1885 nasceu a famosa violoncelista portuguesa Guilhermina Augusta Xavier de Medin Suggia.

Foi sem dúvida uma das maiores artistas da história da música portuguesa e internacional, tendo tido uma carreira que, além do território nacional, passou por Leipzig onde estudou, por Paris onde tocou para Pau Casals, seu futuro marido, e por Londres.

Na capital inglesa tocou com os melhores e nos melhores palcos, tendo recebido sempre as melhores críticas e obtidos êxitos estrondosos junto do público.

Daily Mail de 27 de outubro de 1922 dizia o seguinte:

Suggia é soberbamente temperamental, sendo sempre ela que dirige o seu temperamento, sem nunca ser dirigida por ele. No Concerto de Schumann anima com o fogo da sua personalidade o que de outro modo ficaria morto; com a esplêndida largueza de arco e a vivacidade do seu som, Suggia dá alento e brilho à peça.

Regressou ao Porto no final dos anos 20 do século XX e tocou pela última vez no dia 31 de maio de 1950 no Teatro Aveirense acompanhada ao piano por Maria Adelaide de Freitas Gonçalves.

Refiram-se ainda o reconhecimento de Portugal através das condecorações recebidas no dia 5 de outubro de 1937 (Comenda da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada) e no dia 2 de fevereiro de 1944 (Grande-Oficial da Ordem Militar de Cristo).

Morreu na cidade que a viu nascer, Porto, no dia 30 de julho de 1950.

200px-Guilhermina_Suggia

Anúncios