13 de agosto de 1647

13 de agosto de 1647

Nesta data o Padre António Vieira, no exercício das suas funções de diplomata, partiu numa missão secreta a França e Holanda.

Em França pretendia que fosse combinado o casamento entre o príncipe herdeiro, D. Teodósio, e a duquesa de Montpensier. Contudo, este plano falhou.

De seguida, partiu para a Holanda para tentar dirimir o conflito que opunha portugueses e holandeses no Nordeste brasileiro.

Personalidade nascida neste dia

Nasceu na cidade invicta no dia 13 de agosto de 1875 o jornalista, cronista, romancista, contista, político e historiador Carlos Malheiro Dias.

Foi um monárquico militante, tendo sido deputado entre 1897 e 1910, exilando-se voluntariamente no Brasil depois da implantação da república em Portugal.

Foi um dos fundadores da Academia Portuguesa de História e membro-correspondente da Academia Brasileira de Letras, sucedendo a Eça de Queiroz.

Aliás, Carlos Malheiro Dias é considerado um dos mais talentosos escritores portugueses da geração seguinte à do autor d’ Os Maias. Aquela que é considerada a sua maior obra, A verdade nua, foi publicada em 1916.

Morreu na capital portuguesa no dia 19 de outubro de 1941.

cmd1 001

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s