28 de outubro de 1856

28 de outubro de 1856

Neste dia foi inaugurado o primeiro troço da linha férrea portuguesa entre Lisboa e o Carregado.

Inauguração_do_caminho_de_ferro

Esta linha tinha uma extensão de 36,5 Km e o comboio tinha duas locomotivas (Portugal e Coimbra) e dezasseis carruagens. Na viagem inaugural seguiam o rei D. Pedro V e o Cardeal Patriarca de Lisboa.

Esta obra foi apresentada como “grande ícone da regeneração e da política fontista de progresso nacional”, embora tivesse sido muito criticada por homens das letras como Almeida Garrett que criticou a introdução dos caminhos de ferro em Portugal. Este escritor entendia que este não era o progresso que Portugal precisava e receava que este meio de transporte acentuasse o fosso entre as grandes cidades do litoral e o interior.

Personalidade nascida neste dia

No dia 28 de outubro de 1863 nasceu no Funchal Luís da Câmara Pestana, que se destacou como um dos pioneiros da bacteriologia.

Foi um destacado higienista e professor universitário, formado na Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa com uma tese intitulada “O Micróbio do Carcinoma”. Em 1890 foi nomeado professor de Higiene, Medicina Legal e Anatomia Patológica da escola onde se formou e dois anos mais tarde criou o Instituto Bacteriológico de Lisboa.

A sua afirmação em matéria de higiene e saúde pública deu-se ao demonstrar que o bacilo da epidemia de Lisboa de 1894 não era o vibrião da cólera.

Morreu no dia 15 de novembro de 1899 vítima da epidemia de peste que combatia na cidade do Porto.

Luís_da_Câmara_Pestana

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s