17 de abril de 1922

17 de abril de 1922

Neste dia foi celebrado um acordo denominado de Pacto de Paris entre o rei D. Manuel II e a tia de D. Duarte Nuno de Bragança, D. Aldegundes de Bragança, condessa de Bardi.

Este acordo é um desenvolvimento dos princípios do Pacto de Dover que estabelecia como princípio fundamental a restauração da monarquia em Portugal, com o reconhecimento da titularidade do trono a D. Manuel que, por seu lado, reconhecia que na ausência de herdeiro direto lhe sucederia um príncipe descendente do ramo de D. Miguel I.

O Pacto de Paris é menos preciso que o Pacto de Dover, limitando-se a referir que D. Manuel II aceitava o sucessor indicado pelas Cortes Gerais de Portugal.

Personalidade nascida neste dia

No dia 17 de abril de 1945 nasceu D. Fernando José Fernandes Costa Mascarenhas, 12.º Marquês de Fronteira, 9.º Marquês de Alorna, 12.º Conde de Torre, 13.º Conde de Assumar e 12.º Conde de Coculim.

Foi um aristocrata e livre pensador português. Era formado em Filosofia e deu aulas na Universidade de Évora entre 1979 e 1988.

Em 1989 fundou a Fundação das Casas de Fronteira e Alorna, que promove estudos, encontros culturais, científicos e educacionais.

Fica para a história o seu livro Sermão ao meu Sucessor – Notas para uma Ética da Sobrevivência, dirigido ao seu sobrinho e herdeiro.

Morreu no dia 12 de novembro de 2014.

fernando_mascarenhas

Anúncios

One thought on “17 de abril de 1922

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s